Termas do Centro dão-se a conhecer em centros comerciais lisboetas

0

Uma loja ‘pop-up’ vai estar no Colombo, Vasco da Gama e Cascais Shopping nos próximos fins de semana para promover as termas da região Centro. Durante quatro fins de semana vai poder conhecer as 18 estâncias termais da região Centro sem sair de Lisboa.

O projeto Termas Centro vai estar nos centros comerciais Colombo, Vasco da Gama e Cascais Shopping através de uma loja pop-up, para dar a conhecer as ofertas das suas estâncias, os benefícios das águas termais e ainda impulsionar o turismo naquela região. A ideia surgiu durante a participação do Termas Centro na Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL).

“Tanto no ano passado como este ano, percebemos que grande parte da população de Lisboa não conhece os benefícios das águas termais. Algumas pessoas nem sabem o que são termas e quem já ouviu falar, tem a ideia de que as termas são para ‘os meus avós’”, começa por explicar Guida Mendes, coordenadora do projeto Termas Centro. Para desmitificar esse conceito, Guida Mendes vai levar as termas de encontro aos lisboetas durante quatro fins de semana.

A loja pop-up, que representa um investimento de 20 mil euros, vai estar no Colombo de 25 a 27 de maio, segue depois para o Vasco da Gama entre 1 e 3 de junho, no Cascais Shopping no fim de semana de 16 e 17 de junho e volta ao Colombo entre 22 e 24 de junho. Durante os quatro fins de semana, as 18 estâncias vão dar-se a conhecer não só ao nível dos serviços como da região envolvente.

O arranque vai ser em Lisboa, mas Guida Mendes tem noção de que também vão alcançar alguns turistas. “Lisboa está na moda. Esta já é quase uma frase antiga, mas de facto a cidade está cheia de turistas e queremos também que eles venham conhecer o Centro”, disse a coordenadora do projeto ao Dinheiro Vivo.

Este fim de semana, vai poder conhecer as ofertas das Ternas de S. Pedro do Sul, Caldas da Felgueira e de Monfortinho. “É a primeira vez que vamos estar neste formato em centros comerciais e vamos ver qual é a aceitação das pessoas e obviamente que vamos tentar adaptar-nos para os fins de semana seguintes”, referiu Guida Mendes, salientando que o objetivo inicial era tornar esta loja numa atividade mais comercial, com venda direta de serviços.

Contudo, algumas restrições com os próprios centros comerciais não o tornaram possível. “O cliente vai, ainda assim, obter informações de como pode adquirir estes pacotes”. O projeto Termas Centro é cofinanciado pelos programas operacionais Centro 2020, Portugal 2020 e pela União Europeia, através do Fundo de Desenvolvimento Regional (FEDER), no âmbito da Estratégia de Eficiência Coletiva PROVERE (Porgrama de Valorização Económica de Recursos Endógenos).

Além da loja pop-up, foi lançado também um website onde pode ser encontrada toda a informação sobre cada uma das 18 estâncias, como indicações terapêuticas, tratamentos disponíveis, serviços de bem-estar e também dicas de alojamento e locais de interesse na região. Ainda este ano, será lançada também uma plataforma de e-commerce e uma aplicação onde os utilizadores podem aprender mais sobre as termas através de jogos.

“A aplicação vai comunicar com a plataforma de e-commerce. Cada estância termal vai ter um ou dois jogos. São jogos de conhecimento sobre as águas, os tratamentos e um bocadinho da região também”, explica Guida Mendes. Para jogar pela primeira vez, o utilizador tem de se dirigir às termas, uma vez que necessita de um QR code. A pontuação dos jogos é depois transformada em descontos para utilizar nos serviços termais. Até agosto, tudo deve estar operacional.

Fonte: Dinheiro Vivo

Ler Artigo Original

Partilhar

Sobre o autor

Escrever Comentário

Powered by themekiller.com