Maravilhas sentam Portugal à Mesa

0

7 Maravilhas à Mesa® é a sétima eleição das 7 Maravilhas de Portugal® Vinhos, pratos e petiscos, roteiros, eventos e experiências enogastronómicas vão fazer as “mesas”a concurso.

A organização das 7 Maravilhas de Portugal® acaba de divulgar o tema da eleição de 2018. 7 Maravilhas à Mesa® é a sétima eleição realizada em Portugal, promovendo os patrimónios que marcam a nossa identidade nacional. O projeto acaba de arrancar, com a fase de candidaturas a abrir a 17 de novembro.

“Chegou a hora de elegermos alguns dos patrimónios mais apreciados pelos portugueses: a Gastronomia associada aos Vinhos e a Roteiros Turísticos. Vamos votar o prazer de estar à mesa e também o prazer de ir para lá, de lá chegar, de lá estar. Trata-se por isso de comer, de beber e de andar por roteiros turísticos, desfrutando do melhor que a vida tem para nos oferecer. Queremos harmonizar a gastronomia com os vinhos, mas também com o prazer de percorrer o país, descobrindo os encantos do enoturismo”, explicou Luis Segadães, presidente das 7 Maravilhas® no lançamento oficial do projeto no São Lourenço do Barrocal, com vista para Monsaraz, aldeia eleita como uma das 7 Maravilhas de Portugal® em 2017.

No lançamento oficial no São Lourenço do Barrocal foi apresentada uma mesa de degustação composta por 7 elementos: Gastronomia: Perdiz de Escabeche; Lúcio-Perca (peixe do Alqueva) com migas de poejo; Vitela orgânica São Lourenço do Barrocal no forno, com puré de batata doce e legumes grelhados da nossa horta Vinhos e Azeites: Vinho Branco 2014 São Lourenço do Barrocal“ Vinho Tinto Reserva 2012 São Lourenço do Barrocal e Azeite monovarietal de azeitona galega São Lourenço do Barrocal Roteiros: Unidade hoteleira: São Lourenço do Barrocal Depois de eleitas as Aldeias-Maravilha este ano, onde já foram explorados vários patrimónios culturais, históricos e gastronómicos, as 7 Maravilhas® avançam agora para um território que cria um vínculo com o que sai da nossa terra, com a experiência que tiramos ao visitar as regiões vinhateiras portuguesas e com o que apresentamos à mesa. Esta eleição vai promover a verdadeira experiência de comer e beber a uma mesa portuguesa, razão pela qual somos cada vez mais um destino turístico de referência.

“Era inevitável que as 7 Maravilhas acabassem por entrar no território dos vinhos, que são fator diferenciador incontornável na promoção de Portugal além fronteiras, e regressar ao universo da gastronomia, que já elegemos em 2011 e que agora abre todo um novo leque de oportunidades de promoção ao ser aliado aos vinhos e aos roteiros e experiências que tornam a nossa mesa única no mundo”, acrescentou Luis Segadães.

Ler Artigo Original

Partilhar

Sobre o autor

Escrever Comentário

Powered by themekiller.com