Festa da Castanha e da Jeropiga encerra Ciclo de Festivais de Cultura Popular da Guarda

0

A XIII Festa da Castanha e da Jeropiga, na sexta-feira e no sábado, em Famalicão da Serra, fecha o Ciclo de Festivais de Cultura Popular do Concelho da Guarda 2018.

Segundo a Câmara Municipal da Guarda, a iniciativa tem por objetivo “dar a conhecer os produtos, as tradições, os costumes e o sentir das genuínas gentes” da região.

O programa do evento inclui, entre outros momentos, a degustação de iguarias à base de castanha, que serão servidas na sexta-feira ao jantar (19:30), preparadas pelos chefes de cozinha Valdir Lubave e Nuno Silva.

Está também agendada a realização de um magusto comunitário (16:00 de domingo) e de uma prova e recolha de jeropigas, de adega em adega, para concurso.

No sábado, destaca-se um colóquio sobre “Problemas Fitossanitários do Castanheiro” (15:00) e, no domingo, com início pelas 10:00, um Passeio Fotográfico pelos Castanheiros da área da freguesia de Famalicão da Serra.

O programa também inclui animação com o Grupo de Bombos Trocadalhos do Carilho, de Gonçalo, com o Teatro do Calafrio, da Guarda, que apresenta “Contos e canções, rezas e sementes”, com o Grupo de Bombos do Castelejo, Fundão, o Grupo Cantarinhas e o Grupo de Concertinas Os Foligaitos, de Famalicão.

Estão ainda programados concertos com Sérgio Mirra (21:30 de sábado) e Marchinha do Botequim, Azambuja (17:00 de domingo).

O certame termina pelas 18:00 de domingo, com a sessão de entrega de prémios do concurso das jeropigas.

A Rota dos Soutos – XIII Festa da Castanha e da Jeropiga em Famalicão da Serra é organizada numa parceria que envolve o Município da Guarda, a Junta de Freguesia, o Centro Cultural de Famalicão da Serra e a ADIRAM – Associação de Desenvolvimento Integrado da Rede Aldeias de Montanha.

O evento está incluído no Plano de Animação da Estratégia de Eficiência Coletiva iNature, que tem como objetivo consolidar o posicionamento da região Centro no Turismo de Natureza, e em particular do Parque Natural da Serra da Estrela, potenciando as Aldeias de Montanha enquanto marca agregadora do potencial turístico da Serra da Estrela, de uma forma sustentável, integrada, inovadora e criativa, segundo a organização.

O Ciclo de Festivais de Cultura Popular do Concelho da Guarda 2018 foi iniciado em junho e incluiu vários eventos, que tiveram como objetivo a preservação dos valores e dos recursos culturais e naturais do território.

Os festivais têm como temáticas, entre outras, a raça autóctone Jarmelista (Jarmelo), a lã (aldeias de Corujeira e Trinta), o pão (Videmonte), a cestaria (Gonçalo), a transumância (Fernão Joanes) e a castanha (Famalicão da Serra).

Fonte: sapo.pt

Ler Artigo Original

Partilhar

Sobre o autor

Comentários fechados.

Powered by themekiller.com