Alterações climáticas em debate no Politécnico de Viseu: um contributo para perspetivar a nossa presença no futuro do planeta

0

No próximo dia 27 de novembro, quarta-feira, a partir das 15h00, na Aula Magna do Politécnico de Viseu (PV), decorre mais uma iniciativa no âmbito do “Ciclo de Conferências sobre as Alterações Climáticas”, um evento promovido pelo Departamento de Ambiente da Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Viseu (DA – ESTGV).

Para esta edição, dedicada ao tema “Paleoambientes, Extinções e Biodiversidade”, foram convidados os professores Luís Duarte e Pedro Callapez Tonicher, da Universidade de Coimbra, geólogo e paleontólogo, respetivamente, numa sessão com moderação do professor Luís Simões (DA – ESTGV) e à qual se seguirá um espaço de debate.

Será igualmente presente aos participantes da conferência uma mostra de fósseis representativos dos vários períodos e épocas do tempo geológico (cedida pelo professor Pedro Callapez), bem como estampas e cartas de campo, elementos incontornáveis para a construção da história da Terra e da história da Vida na Terra.

Na conferência pretende-se abordar a história da Terra e da Vida e o modo e a forma como as dinâmicas naturais presidiram à evolução das espécies, bem como as variabilidades climáticas e respetivos impactes nos vetores ambientais e na evolução da Vida, ocorridas entre o Câmbrico e o Cretácico final e ainda durante o Cenozoico até ao final do Pistocénico final na Península Ibérica. Outro dos objetivos de “Paleoambientes, Extinções e Biodiversidade”, é a compreensão do tempo geológico e da forma como pode ser perspetivado a presença do Homem no futuro do Planeta.

O evento destina-se a professores, estudantes e ao público em geral.

«A história da Terra e da Vida e o modo e a forma como as dinâmicas naturais presidiram à evolução das espécies, é, ao mesmo tempo, de uma vastidão tal que escapa ao entendimento e, em alguns momentos superlativamente raros, de tal tragicidade que fica para além do que as palavras conseguem descrever.

Na Terra, milhões de anos passam a correr: continentes fraturam-se e separam-se; oceanos alargam-se e fecham-se de seguida; cordilheiras montanhosas são construídas e transformadas em areia, em instantes. Esta é uma perspetiva que é necessário desenvolver quando o objetivo é detetar e entender os processos e as dinâmicas que guiaram a história da Terra e a evolução da Vida na Terra.

Só mergulhando nas profundezas do tempo geológico que se estendem atrás de nós, centenas de milhões de anos, e se espraiam, diante de nós, até ao infinito, podemos perspetivar, hoje e sem receios, a nossa presença no futuro do Planeta; sendo já tarde para hesitações, se formos determinados e andarmos depressa, ainda a garantimos.»

O conteúdo Alterações climáticas em debate no Politécnico de Viseu: um contributo para perspetivar a nossa presença no futuro do planeta aparece primeiro em GazetaRural.

Ler Artigo Original
Fonte: Gazeta Rural

Partilhar

Sobre o autor

Comentários fechados.

Powered by themekiller.com