Estudo da Intrum Justitia revela que portugueses poupam dinheiro para viajar

0

A Intrum Justitia acaba de divulgar o estudo “European Consumer Payment Report 2016”, no qual chega à conlusão de que os portugueses ainda poupam para viajar.

Segundo o estudo, 50% dos portugueses tiveram alguns períodos na vida em que não puderam pagar suas contas, em linha com a média do estudo. De salientar que quase 49% dos inquiridos, dizem que às vezes não conseguem pagar as suas contas nos dias de hoje. Este resultado é claramente superior à média do estudo.

A Intrum Justitia recolheu dados de 21.317 consumidores em 21 países europeus para adquirir o conhecimento da vida quotidiana dos consumidores europeus; dos seus gastos e da sua capacidade de gerir os orçamentos domésticos numa base mensal. Estes dados globais são apresentados no European Consumer Payment Report 2016.

Para um conhecimento ainda mais profundo foi desenvolvido um relatório por país, onde são apresentados os dados do Relatório do European Consumer Payment Report 2016 a nível nacional.

O estudo adianta ainda que três em cada dos cinco portugueses ficam preocupados depois de terem pago as suas contas porque o dinheiro que lhes sobra não é suficiente. Este número depois da Grécia, é o segundo maior no estudo. Contudo, a percentagem que concorda com a afirmação de que, no momento, não tem dinheiro suficiente para uma vida digna é igual à média do inquérito, 29%.

Ensinar os filhos a poupar

Por outro lado, 95% dos pais portugueses tentam ensinar aos seus filhos como lidar com o dinheiro, o valor mais alto do que qualquer outro país participante. Além disso, 86% dos pais em Portugal pensam que as crianças devem aprender mais sobre economia nas escolas, e cerca de 58% acham que as escolas tem uma grande responsabilidade quando se trata de educar sobre economia doméstica. Os valores mais altos do estudo realizado.

O estudo pode ser consultado na íntegra aqui.

Agricultura e Mar Actual

Intrum Justitia Poupança 2016-11-24 CarlosCaldeiraFonte do Artigo

Partilhar

Sobre o autor

Escrever Comentário

Powered by themekiller.com