‘Encontro com o Vinho e Sabores Bairrada 206’ brinda enófilos com três provas especiais

0

Começa sexta-feira, e prolonga-se até Domingo, a 4.ª edição do ‘Encontro com o Vinho e Sabores Bairrada’ (EVSB). No que toca aos vinhos, para além do conhecimento junto dos 33 produtores presentes e da prova livre dos seus néctares, as provas especiais, comentadas por críticos da Revista de Vinhos, são o ponto alto para a comunidade enófila. No total são três, uma em cada dia, e versam vinhos espumantes, brancos e tintos muito diversos entre si, mostrando o quão apelativa é, ou pode ser, a produção na Bairrada.

Na sexta-feira, o emblemático João Paulo Martins (Revista de Vinhos e Expresso) vai dirigir e comentar a prova que intitulou de “Bairrada Blend”. Entre brancos (4) e tintos (8) os eleitos são vinhos que misturam castas clássicas com outras menos tradicionais, mantendo o forte carácter da região. Percorrendo as colheitas de 2010, 2011, 2012, 2013 e 2014, no total são doze os néctares, oriundos de produtores de há largos anos, mas também de projectos mais recentes. Uma pequena mostra do que pode ser feito na região.

Mais que um jornalista e crítico, Luís Lopes é um contador de estórias e um entusiasta pelos vinhos da Bairrada. As provas dirigidas e comentadas pelo director da Revista de Vinhos têm o dom de se revelar momentos “de comer e chorar por mais”, ou melhor, “de beber”! O autor da prova, que este ano se intitula de “Bairrada – Três Vindimas de Excelência: 1991, 2001 e 2011”, optou por não revelar os vinhos eleitos. Contudo, o factor surpresa não demoveu os seguidores dos vinhos da região e do próprio crítico de vinhos de se inscreverem e esgotarem, em poucos dias, os 40 lugares da prova de Sábado à tarde, que acontece no Museu do Vinho Bairrada, contrariamente às outras duas que têm lugar no Velódromo, palco do EVSB.

Há pouco mais de um ano a Comissão Vitivinícola da Bairrada (CVB) apresentou publicamente o projecto e cluster Baga@Bairrada, formalizando a existência de uma nova categoria de espumantes, com origem na casta mais típica da região, a Baga. Começaram por ser cinco as referências com este selo e estão prestes a passar a 10, sendo que três delas vão estrear-se precisamente no EVSB. Destes, são nove os que vão estar no painel da prova “Espumantes de Baga”. Conduzida pelo carismático Luís Antunes (Revista de Vinhos), no Domingo às 15h30, esta inclui outras três referências de Blanc de Noirs, ou seja, de espumantes brancos feitos a partir da casta tinta Baga.

VINHOS DAS PROVAS COMENTADAS

Bairrada Blend :: João Paulo Martins :: 30 Set . 18h00 :: Velódromo

. Anairam Arinto-Chardonnay branco 2012

. Ante Aequinoctium Veranum Grande Reserva branco 2014

. Kompassus Reserva branco 2013

. VV Niepoort Vinhas Velhas branco 2013

. Castelar tinto 2011

. Encontro 1 tinto 2010

. Marquês de Marialva Grande Reserva tinto 2010

. Milheiro Selas Reserva tinto 2012

. Nelson Neves Merlot Reserva tinto 2011

. Quinta das Bágeiras Reserva tinto 2013

. Quinta dos Abibes Sublime tinto 2010

. Samião Reserva tinto 2014

Bairrada – Três Vindimas de Excelência: 1991, 2001 e 2011 :: Luís Lopes :: 01 Out . 18h00 :: Museu do Vinho Bairrada

. Vinhos Surpresa

Espumantes de Baga :: Luís Antunes:: 02 Out . 15h30 :: Velódromo

. Aliança Baga@Bairrada Reserva Bruto branco 2014

. Casa de Saima Baga Bruto branco 2011

. Íssimo Baga Bruto branco 2013

. Marquês de Marialva Blanc de Noirs Baga@Bairrada Bruto branco 2014

. Mata Fidalga Vinhas Velhas Baga@Bairrada Extra Bruto branco 2014

. Messias Blanc de Noirs Baga@Bairrada Bruto branco 2012

. Montanha Baga@Bairrada Grande Cuvée Bruto branco 2012

. Primavera Baga@Bairrada Extra Bruto branco 2014

. Quinta do Ortigão Baga Bruto branco 2012

. Quinta do Poço do Lobo Baga@Bairrada Bruto Natural branco 2013

. RS Rama & Selas Blanc de Noirs Baga@Bairrada Bruto Natural branco 2014

. São Domingos Baga@Bairrada Bruto branco 2009

Sobre o Encontro com o Vinho e Sabores:

O ‘Encontro com o Vinho e Sabores Bairrada’ teve a sua primeira edição em 2013. A iniciativa surgiu de uma vontade conjunta de promover o que de melhor a região tem, capitalizando para (re)afirmar a identidade Bairrada através da promoção dos seus produtos mais emblemáticos, como sejam os vinhos e espumantes Bairrada – com certificação de Denominação de Origem –, mas também a sua gastronomia ímpar, com destaque para o leitão da Bairrada, o pão da Mealhada e a sua riquíssima doçaria regional: ovos moles de Aveiro, Amores da Curia, queijadas de Águeda, Folar de Vale de Ílhavo, entre outras iguarias. Este é um evento capaz de atrair milhares de visitantes e que pretende valorizar a imagem da região numa oferta turística integrada onde as valências de enoturismo, do turismo termal, hotelaria e restauração constituem um factor dinamizador.

Ler Artigo Original

Partilhar

Sobre o autor

Escrever Comentário

Powered by themekiller.com