Aicep promove seminário sobre Brasil Pós-Impeachment

0

Aicep promove seminário sobre Brasil Pós-Impeachment

A Aicep – Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal realiza, em cooperação com a sociedade Briganti Advogados, um seminário subordinado ao tema “Brasil – Perspectivas para a Conjuntura Económica Pós-Impeachment“. A sessão, a ocorrer no dia 13 de Setembro de 2016, será dedicada à análise da actual conjuntura económica brasileira, com destaque para o novo contexto, originado pela crise política que afecta actualmente o Brasil.

No evento, transmitido on-line a partir de São Paulo, o economista brasileiro Gesner Oliveira apresentará as perspectivas de evolução da economia e do ambiente de negócios no país, no curto, médio e longo prazo. As inscrições são gratuitas, abertas até 12 de Setembro, mas limitadas à capacidade da sala.

A sessão contará ainda com a participação do Gerente de Desenvolvimento de Negócios da Aicep em São Paulo, Luís Sequeira, que falará do modo como a Aicep poderá apoiar as empresas portuguesas, em concreto na definição e operacionalização das estratégias de abordagem mais adequadas aos desafios que este importante mercado hoje apresenta.

“Trata-se de uma sessão interactiva que, apesar de ser transmitida via Web a partir do Brasil, permitirá aos participantes em Lisboa colocarem perguntas a todos os oradores”, salienta fonte da Aicep.

Inscrições e programa aqui.

a Aicep considera que o novo contexto político e económico, associado à conclusão do processo de impeachment, “perspectiva novas oportunidades de negócio e investimento para as empresas portuguesas num número crescente de sectores e segmentos, muito para além dos tradicionais, perspectivando-se um claro potencial para o aumento da interligação das economias dos dois países”.

Brasil permanece líder na América Latina

Apesar do discreto desempenho dos últimos anos, o Brasil permanece o líder indisputado entre as economias da América Latina, nomeadamente tendo em conta a dimensão e o elevado potencial de crescimento do seu mercado interno e a inquestionável influência do país junto dos principais parceiros da região, realça a Aicep.

O mercado interno, com os seus mais de 200 milhões de consumidores, continua “atractivo, dinâmico e gerador de oportunidades. A nova classe média consumidora brasileira apresenta uma forte propensão para o consumo e uma apetência crescente por produtos e serviços de maior qualidade e sofisticação”, acrescenta a mesma fonte.

“As perspectivas de retoma do crescimento da economia brasileira nos próximos anos são positivas o que, associado aos ambiciosos projectos de investimento em infra-estruturas em curso, permitem perspectivar uma reactivação dos fluxos de investimento estrangeiro para o país e uma gradual recuperação da posição destaque entre as economias emergentes ao nível global”, refere ainda a Aicep.

Agricultura e Mar Actual

Aicep Brasil Briganti Advogados 2016-09-09 João BorgesLer Artigo Original

Partilhar

Sobre o autor

Escrever Comentário

Powered by themekiller.com